BORDALO N'A BERLINDA
ANOS 70 por Eduardo Lourenço UMA BERLINDA EM BOLANDAS por Guilherme de Oliveira Martins BORDALO: UMA SETA DE LUME por João Paulo Cotrim
RAFAEL BORDALO PINHEIRO por Júlio César Machado O POÇO QUE RI por Joaquim Leitão OS RETRATOS DE RAFAEL por Ramalho Ortigão
CRONOLOGIA por João Paulo Cotrim
BORDALO: UMA SETA DE LUME  por João Paulo Cotrim
VISITE-NOS
RAFAEL BORDALO, como todos, é o caricaturista do seu tempo. A sua obra é o espelho de Portugal do século XIX. Aos seus lápis, aos seus carvões, aos seus nanquins, pode ir-se buscar documentário para inventariar e reconstituir tipos, costumes, meio e indumentária, a própria história desse fim de século. Joaquim Leitão.

2005 BIBLIOTECA NACIONAL. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | CRÉDITOS DESTE SITE